Mostrando postagens com marcador sobremesa. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador sobremesa. Mostrar todas as postagens

domingo, 14 de maio de 2017

Morangos: saborosos frutos vermelhos



Um cocktail de fibras, vitaminas e minerais. Inconfundíveis, devem ao clima ameno a firmeza e a doçura com que seduzem o paladar.

www.emagrecerumdesafio.com
Imagem: Pixabay

Extremamente refrescantes, aromáticos e saborosos, do ponto de vista nutritivo oferecem um sem fim de benefícios e muito poucas calorias.

Hoje, os EUA são os maiores produtores de morangos, garantindo 28% da produção mundial.

Características

Além de saborosos, o morango é rico em vitaminas como, por exemplo, vitamina C, A, E, B5 e B6 e têm apenas 29 calorias por 100g. O morango é rico em água e antocianinas, um pigmento que confere ao fruto a sua cor vermelha e que tem propriedades antioxidantes.

Origem

Sabe-se que no tempo do império Romano já era consumido. Em 1714, um engenheiro francês, numa viagem ao Chile e ao Peru, percebeu que os morangos nativos daqueles países eram bem maiores do que os da Europa. Sem pensar duas vezes, trouxe alguns para a Europa e cultivou-os em França. O resultado foi um morango com muito mais suco e saboroso do que aquele que conheciam naquele país. O sucesso foi imediato e daí espalhou-se por toda a Europa, por volta do século XIX.

Produção

As condições ideais para esta cultura são um clima ameno, nem muito quente nem muito frio. Os traços que distinguem estes morangos são, sobretudo, o seu aroma, textura e resistência, resultado dos efeitos do clima.

Conservar no frio

O morango é um fruto de curta duração. A melhor forma de os conservar é mantê-los na geladeira. Opte por lavar e enxaguar antes de os guardar numa caixa bem fechada.

Uma estrela à mesa

Deliciosos ao natural, os morangos são ainda reconhecidos pela sua presença marcante em sobremesas variadas.

Estes são alguns dos cuidados que deve ter em conta antes de os consumir:

- Podem provocar reações alérgicas, sob a forma de erupções, ou agravar a dermatite alérgica.

- Lave-os em água corrente abundante, sem tirar o raminho verde; não os deixe de molho, pois perdem o sabor e ficam murchos.

- O calor e a umidade são os seus maiores inimigos, pois são muito sensíveis; conservam-se melhor num lugar fresco e seco.

Fonte: Pingo doce, sapolifestylle

Até a próxima