Mostrando postagens com marcador gordura. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador gordura. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Erros que nos fazem comer mais gordura do que o necessário



Uma semana de exageros não tem repercussões preocupantes na vida saudável de uma pessoa ativa. Mas sim, segundo o El País, a balança é capaz de acusar um pouco mais de peso. E a culpa é da Lei da Conservação da Massa: “A energia não se cria, nem se destrói, mas transforma-se. E, neste caso, fá-lo sob a forma de gordura”, esclarece Ángel Gil, professor catedrático de Bioquímica e Biologia Molecular da Universidade de Granada e presidente da Fundação Iberoamericana de Nutrição.
 title=
© Slicing

Não medir a gordura

A maioria estima as quantidades de gordura que usam em vez de medi-los e isso pode resultar em um aumento de calorias que você não pode imaginar. Uma colher de sopa de azeite de oliva, por exemplo, tem 120 calorias. Se não medir pode colocar duas, dobro de calorias, portanto.

Calcular as porções

Se você está tentando perder peso, sabe que comer as porções corretas é uma das partes mais importantes. Bem, estudos têm mostrado que somos muito ruins em calcular porções. Então temos que usar copos de medição ou escalas, para comer dentro de limites saudáveis.

Não cozinhar bem os legumes

Os vegetais são uma parte essencial de uma dieta equilibrada e é bom tentar aumentar o seu consumo. No entanto, é importante que você prepare o caminho certo para maximizar seus lucros.
A maioria são melhores crus, mas se você decidir que os fará cozidos, os faça bem cozidos.

Não seja um escravo da receita

As receitas são uma grande ajuda para preparar comida, mas é claro que você pode (e deve) ajustá-los às suas necessidades.
Se a receita pede manteiga, substitua-a por um bom azeite. 

"Bicar" enquanto cozinha

No máximo, ele soa para nós como normal, mas essas porções que comemos enquanto cozinhamos pode fazer uma diferença enorme.
Saborear a comida que você está fazendo é normal, mas se a fome está fazendo você comer mais, melhor encher um copo com água e tomar sempre que sentir que quer "bicar".

Usando muito queijo

O queijo é delicioso, sem dúvida, mas as pessoas tendem a abusar dele quando preparam a comida. Isto significa que você come uma grande quantidade de gordura e calorias e quase não percebe. Não vale a ilusão de que "você está comendo proteína", porque queijos mesmo frescos, contêm mais gordura do que proteína.
Deixe o queijo como um prato ou condimento, mas não o torne o centro de seu alimento se quiser manter um peso saudável.

No usar fibra suficiente

Se quiser algo simples, mas poderoso para perder peso, simplesmente coma mais fibras. De acordo com vários estudos, a partir do aumento da ingestão de fibra começa a perder peso, estará assim controlando sua dieta em todos os aspectos. Além disso, utilizando os ingredientes ricos em fibras ajuda a evitar problemas de colesterol e a aumento da pressão sanguínea.
Para melhorar imediatamente a sua saúde comece a consumir mais alimentos como lentilhas, feijão, grão de bico e outras muito ricos em fibras e nutrientes.

Enganado pelas gorduras boas

Ultimamente temos aprendido muito sobre gorduras saudáveis. É verdade que o abacate ou azeite nos fornecem nutrientes valiosos. Mas eles, por serem tão nutritivos não significa que você pode comê-los sem medida e não engordar. Estas gorduras engordam e causam danos à saúde (manteiga, banha e outras gorduras animais), lembre-se que gorduras devem ser consumidas com moderação.

Atenção às sobras

Quando você terminar de comer, livre-se das sobras o mais rápido possível. Caso contrário provavelmente acabará comendo um pouco mais do que se pretendia.

Fonte: MSN
Até a próxima

domingo, 3 de julho de 2016

Celulite, a maldita!


É a famosa "casca de laranja". Atinge mais as mulheres mas não é exclusivamente feminino. E nem sempre está relacionado com o peso.
 width=
Créditos da Imagem Lanzi

Conheça os mitos e as realidades associados à celulite.

O que é?

Tem a inestética aparência de "casca de laranja" e resulta do acúmulo de gordura na pele, sob a forma de pequenos nódulos que surgem sobretudo nas coxas, quadril, nádegas e pernas.

A celulite aparece quando a gordura não é destruída ao mesmo ritmo que é armazenada, dando-se um aumento de volume das células adiposas. Simultaneamente, acumulam-se líquidos e as fibras que dão elasticidade à pele endurecem, contraindo-se e puxando a pele para baixo - daí a aparência irregular.

Como resultado, pode ocorrer a compressão de terminações nervosas locais, responsável pela sensibilidade e dor associadas à celulite.

Este não é um problema exclusivo de obesidade. A celulite tanto surge em corpos com quilos a mais como nos que têm peso adequado e até nos magros.

Porquê as mulheres?

Embora possa surgir nos homens, a celulite é mais frequente nas mulheres.

➻ Porque o corpo feminino tem mais gorduras: 20 a 25%, contra 10 a 15% no corpo masculino.

➻ Porque as células adiposas estão organizadas por lóbulos em camadas verticais, o que permite armazenar mais gordura, enquanto nos homens se organizam na diagonal, em pequenas unidades.

➻ Porque as alterações hormonais femininas podem, levar a uma maior formação de celulite, coincidindo com momentos como a puberdade, a gravidez e a menopausa.

Causas

Além do gênero, há outros fatores envolvidos:

➻ Genética - determina a localização e quantidade de células adiposas.

➻ Metabolismo lento - o desgaste das gorduras é retardado, o que favorece o seu acúmulo.

➻ Idade - com os anos, as fibras perdem consistência e tonicidade.

➻ Ausência ou insuficiência de exercício físico.

➻ Alimentação demasiada rica em gordura e carboidratos e pobre em vitaminas e minerais.

Combate à celulite

Uma vez formada, a celulite instala-se e não desaparece com facilidade. Não é possível erradicá-la, mas é possível reduzi-la.

➻ Pratique uma alimentação equilibrada. Favoreça os legumes, as frutas, as proteínas magras (aves e peixe) e os açúcares de absorção lenta (arroz e massas). Evite as gorduras saturadas e o sal.

➻ Aumenta a ingestão de água (cerca de dois litros por dia) e reduza o consumo de álcool e cafeína.

➻ Faça exercício físico. Opte por exercícios localizados que estimulem a queima de gordura nas zonas mais afetadas.

➻ Use produtos de saúde à base de substâncias como cafeína, retinois, alfa-hidroxiácidos e extratos de plantas. Encontram-se disponíveis no mercado diversas fórmulas, sob a forma de creme, loção, gel e até adesivos transdérmicos. Se estiver grávida ou a amamentar, fale com seu médico ou farmacêutico antes da aplicação deste tipo de produtos.

➻ Faça massagens manuais ou use técnicas específicas, como a endermologia ou laser. A sua ação mecânica ativa a circulação, promove a drenagem, torna os tecidos mais maleáveis e facilita a penetração dos produtos adelgaçantes.

Fonte: Saúda

Até a próxima


terça-feira, 31 de maio de 2016

Dicas e benefícios de alimentos com calorias negativas


Quando se começa uma dieta, a preocupação com o que se pode comer ou não por causa do consumo excessivo de calorias, que deve ser evitado, acaba ocupando as nossas mentes. E de tanto se policiar para não comer o que não deve, é normal não questionar o nutricionista que acompanha a dieta, ou mesmo pesquisar quais alimentos fazem o efeito contrário. Por isso, você deve conhecer dicas e benefícios de alimentos com calorias negativas.
www.emagrecerumdesafio.com
Imagem PontoXP

Há alimentos que não só fazem bem para a sua dieta, oferecendo a nutrição necessária, como também são negativos de gordura, podendo ser consumidos nesse período, sem nenhuma preocupação. É o caso de alguns legumes, verduras e frutas, que são aliados da balança, pois contêm as famosas calorias negativas. Ou seja, a fração calórica que possuem está destinada à mastigação e à digestão.

Levar em conta dicas e benefícios de alimentos com calorias negativas inclui saber que os principais alimentos do grupo das calorias negativas são as frutas fibrosas, como manga, papaia e morango, pois tais frutas exercem maior efeito térmico e são muito saborosas. Logo, conhecer as frutas e os outros alimentos que não adicionam gordura ao seu organismo ao serem ingeridos vai te ajudar a emagrecer, sem que a sua saúde seja comprometida com dietas mirabolantes.

Principais dicas e benefícios de alimentos com calorias negativas

Abacaxi

Além de cálcio, potássio e vitaminas A, B e C, o abacaxi contém bromelaína, enzima que ajuda na digestão e pode dissolver coágulos no sangue, além de auxiliar na dieta. A fruta também controla a pressão arterial;

Agrião

Essa planta medicinal é rica em ferro, iodo, vitamina C e betacaroteno, o antioxidante que retarda o envelhecimento. Além disso, o agrião ainda auxilia no sistema respiratório;

Alface

Um dos alimentos mais famosos da dieta, o alface é rico em potássio, cálcio, ferro e vitaminas A, B3 e C. Seu poder antioxidante age com calma e pode ser mais um fator positivo para ajudar na dieta;

Ameixa

Essa fruta tem prioridades antioxidantes, retarda o envelhecimento, estimula a digestão e combate à gripe. Tudo isso além de ajudar na sua dieta com zero calorias. A ameixa é ainda rica em magnésio, cálcio, fibras, betacaroteno e vitaminas C e E;

Berinjela

Grande fonte de cálcio, fósforo, potássio, magnésio e vitaminas A, C e complexo B, a berinjela é um agende redutor do colesterol do sangue;

Beterraba

Além de poder comer beterraba à vontade por causa do consumo de zero gordura, esse alimento ainda turbina o seu corpo com nutrientes como fibras, vitaminas A, B e C, ferro, potássio e zinco;

Brócolis

Fonte de vitamina A e de sais minerais como cálcio, ferro e fibras. O brócolis também tem poder antioxidante e anticancerígeno;

Couve

A couve é rica em fibras, além de ser indicada para enfermidades do estômago e para auxiliar na digestão. Trata-se de um alimento que proporciona vitaminas C, ferro, cálcio e betacaroteno;

Maçã

Essa é uma das frutas mais benéficas do grupo das sem gorduras. É rica em cálcio, magnésio, potássio, zinco, vitaminas B, C e E. A maçã contém peticina, fibra que ajuda a controlar o nível de colesterol no sangue. Outro benefício da maçã diz respeito ao seu efeito antioxidante e à ajuda na digestão e no tratamento dos resfriados. Portanto, basta seguir as nossas dicas para você ter mais saúde por meio do consumo de alimentos vantajosos por apresentarem gordura negativa.

Fonte: Ponto XP

Até a próxima


domingo, 1 de maio de 2016

8 dicas para reduzir a idade do seu coração



A cada ano que passa ficamos mais velhos, com o coração é semelhante, ele também envelhece. Explicações detalhadas do Prof. Francis Square, cardiologista.
www.emagrecerumdesafio.com
Imagem Pixabay

Dormir pelo menos 6-8 horas por noite

A falta de sono perturba o mecanismo de regulação dos hormônios produzidos pelo corpo, o que ajuda a "danificar as artérias, a longo prazo," diz o Dr. Francis Square, cardiologista. Além disso, a longo prazo, leva a aumentar de peso substancialmente, aumento do estresse, diminuição da imunidade e uma propensão para compensar o cansaço através de um consumo excessivo (álcool, café, cigarros). São fatores muito ruins para o coração. No curto prazo, a duração insuficiente de sono causa fadiga, emoção, falta de concentração e memória fraca.

Profissionais de saúde recomendam 6:00 a 8:00 para uma noite de sono, mas para o cardiologista, o mais importante é "você encontrar a sua quantidade adequada de sono."

Cozinhar suas refeições para reduzir o sal e gordura

Nunca se é melhor servido do que por si mesmo e começa no fogão. A vantagem para cozinhar suas refeições em si é múltipla. Isto torna mais fácil saber o que comem, para manter um peso estável, escolher o cozimento (vapor preferido em vez de fritar), mas também para limitar os alimentos que prejudicam o coração e vasos sanguíneos: sal e gordura presente em níveis elevados em alimentos preparados. "Limitar o consumo da gordura e sal, especialmente os alimentos que são necessários o uso de conservantes. Boa resolução também é evitar refrigerantes que promovem o excesso de peso.", orienta François Carré.

Exercitar-se pelo menos 30 minutos por dia

O estilo de vida sedentário é um dos piores inimigos de um coração saudável, porque é essencialmente um músculo. Antes de praticar esportes como a entendemos, o mais importante é permanecer ativo durante todo o dia como estar mais de sete horas consecutivas sem se mover é muito ruim. "Não digo que é suficiente fazer uma hora de esportes no domingo e que é tranquilo para o resto da semana", diz François Carré. "Temos de passar pelo menos 30 minutos por dia, por exemplo, a cada duas ou três horas e caminhar alguns minutos". No esporte em si, o médico recomendou "obedecer a seu gosto e uma mudança agradável," mesmo que seja a caminhada nórdica (andando com varas rápido) é recomendado porque mobiliza toda corpo.

A pressão arterial estável

A pressão arterial elevada é um fatores de risco para doença cardiovascular. A doença é perigosa e silenciosa. "Não há números precisos para discutir riscos. Uma pessoa com uma história familiar deve verificar a sua pressão arterial, mesmo que tenha menos de 40 anos". A pressão arterial é monitorizada em cada consulta médica, o cardiologista recomenda especialmente a prestar atenção a seus níveis de colesterol através de um exame de sangue. Uma vez que, se não for bem controlado, um colesterol alto pode impedir que o sangue de fluir bem, o que força o coração e aumenta o risco de ataque cardíaco e insuficiência cardíaca.

Coma mais frutas e legumes

Se demasiada gordura, alimentos muito salgado não é recomendado para cardíacos, frutas e legumes, no entanto, são os preferidos. Rico em antioxidantes, vitaminas, fibras e potássio, que ajuda a reduzir o risco cardiovascular. Bem como o tipo de legumes feijões, ervilhas ou lentilhas. Muitos estudos mostram que a dieta mediterrânea , que inclui tais alimentos, bem como o azeite e peixe, mas pouca carne e gordura, é um dos melhores para a saúde. "Precisamos tornar automático, diz François Carré. Em vez de um bife e batatas fritas você pode pedir feijão". "É tudo sobre a qualidade, é preciso então muita atenção, um alimento muito rico em gordura e não controlado em um regime extremo e perigoso, muitas vezes desequilibra", explica Jean-Paul Allaux, fisioterapeuta especializado em fisioterapia respiratória e cardiovascular.

Aprenda a reduzir o estresse

É difícil estabelecer formalmente uma ligação direta entre o nível de estresse e saúde do coração. O estresse crônico é frequentemente associada como longe do estilo de vida saudável. "Quanto mais estressada a pessoa mais fuma". Além disso, o estresse crônico tem um efeito biológico, pois traz uma perturbação na produção hormonal. "O excesso de fadiga, o ruído, a emoção, a ansiedade cujo motor produz descargas hormonais (noradrenalina e adrenalina) já sabemos o que isso significa para o coração ", alerta Jean-Paul Allaux. Para evitar que o estresse invada a saúde, o melhor é encontrar uma saída, como esportes ou um hobby.

Álcool: não mais do que duas a três bebidas por dia

Como boa comida, o álcool deve ser consumido com moderação. Se em pequenas quantidades, o nome dos antioxidantes polifenóis encontrados no vinho tinto evitaria doenças cardiovasculares, mas não deve ser abusado. O coração é sensível ao consumo excessivo de álcool, o que influencia diretamente o aumento da pressão arterial. Se os efeitos são mais perceptíveis a longo prazo, o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral são reais, tudo o que beber em excesso é muitas vezes associada a outros fatores de risco como o tabaco. "Os efeitos nocivos do álcool sempre superam os benefícios", disse Francois Carre que aconselha a não "consumir álcool porque tinha lido que era bom para a saúde" e não exceder um a dois drinques por dia para mulheres e duas a três bebidas para os homens ".

Pare de Fumar: nunca é tarde demais!

O tabaco é acusado de muitas doenças cardiovasculares, a primeira é a redução do fluxo sanguíneo nas artérias, o que leva à falha da oxigenação dos tecidos. Resultado: esse mecanismo favorece o aparecimento insidiosa de eventos cardiovasculares, como infarto do miocárdio ou acidente vascular cerebral. Além disso o monóxido de carbono entra na corrente sanguínea e "asfixia" o coração. "O fato de parar de fumar diminuirá o depósito aterosclerótica nas artérias e permitir uma melhor oxigenação". Francois Carre informa que em fumantes "1 de cada 2 mortes está diretamente relacionada ao tabagismo." Nunca é tarde demais para parar de uma vez os efeitos nocivos do tabagismo sobre o coração desaparece cinco anos após essa decisão.


Fontes: MSN/Fr-Medesite  


Até a próxima


sexta-feira, 15 de maio de 2015

Erros que podem comprometer uma receita

Para cozinhar é necessário alguma técnica. A revista Time compilou dez erros normalmente cometidos e que podem estragar as refeições.

www.emagrecerumdesafio.com
http://br.freepik.com/


1 - Não ler a receita inteira antes de começar a cozinhar

A especialista Linda Carucci afirma que "Ler uma receita é como olhar para um mapa antes de uma viagem", e está absolutamente correta.
Os detalhes não devem ser deixados de lado, o ideal é saber antecipadamente o que vai utilizar e que equipamentos vai precisar.

2 - Colocar quantidade muito grande de alimentos na panela e tapá-la completamente.

Use uma panela maior, duas panelas ou cozinhe por porções. Se cozinhar por porções coloque a primeira no forno enquanto cozinha a
segunda.

3 - Não aquecer a frigideira para fritar peixes, por exemplo.

A superfície tem que estar bem quente, se não estiver quente o suficiente faz com que fique grudado, outra opção são as panelas com teflon, evitam este problema.

4 - Cozinhar massas em uma panela muito pequena

Quando se coloca comida a água que está fervendo, a temperatura da água desce imediatamente. Muita massa em pouca água, o processo de cozimento é alterado e a massa apresenta consistência estranha. Convém usar muita água, a comida deve ficar imersa totalmente.

5 - Refogar legumes ainda com água

Escorra os legumes e aqueça bem o azeite, caso contrário o vapor deixará os legumes moles e pastosos.

6 - Usar ervas aromáticas secas ao invés de ervas frescas para temperar

Como as ervas frescas custam mais e duram menos as pessoas tendem a usar as ervas secas, são mais práticas.

7 - Fazer frituras em óleo pouco quente (frituras, geralmente são desaconselhadas).

Na frigideira ou panela se o óleo não estiver em temperatura adequada, o alimento vai absorver grande quantidade de gordura, ficando pesada e com aspecto não muito agradável.

Referências: MSN


Até a próxima