quarta-feira, 24 de maio de 2017

Coisas que convém eliminar do seu quarto



Para ter um quarto elegante, acolhedor e organizado, há algumas coisas das quais precisa se livrar. Há elementos que perturbam o descanso e que não devem lá permanecer. 

1. Almofadas que já viram dias melhores

Há vários motivos que justificam que livre-se das almofadas antigas. Se já não são tão confortáveis como eram? Substituí-as. As almofadas devem ser suaves e cheias e não planas e desconfortáveis. Dispense as antigas e abra espaço para umas novas. 
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Bloomint design Quartos mediterrânicos por Bloomint design


2. Objetos aleatórios e detritos na mesa de cabeceira

Mantenha a sua mesa de cabeceira arrumada. Se tem o mau hábito de nela acumular papelada de trabalho ou pessoal, chaves de casa, cabos para carregar o telefone, aquela garrafa de água vazia ou o prato que usou para comer umas sandes, então, deve mudar isso. A mesa de cabeceira deve-se manter organizada, limpa e com o essencial. Lembre-se que está mesmo ao seu lado e se não estiver arrumada, isso acaba por prejudicar o seu repouso.
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Elemental Architecture Quartos modernos por Elemental Architecture 


3. Livros que já leu

Muitas pessoas gostam de ler um pouco antes de dormir, mas não se deve deixar acumular os livros já lidos à cabeceira. Quando terminar, volte a colocá-los no devido lugar.
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Des Ewing Residential Architects Quartos clássicos por Des Ewing Residential Architects


4. Lençóis velhos

Temos tendência a acumular lençóis em casa porque achamos sempre que vamos precisar. A verdade é que acabamos por não usar a maior parte e alternar entre os têxteis com melhor qualidade. Guarde apenas um, dispense os antigos (a menos que ainda estejam em bom estado, claro).
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Taipei Base Design Center Quartos modernos por Taipei Base Design Center


5. Roupa que nunca vai usar

Muitas são as roupas que temos no armário e nunca as usamos. Faça uma seleção daquilo que já não veste e doe a uma instituição de caridade. 
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / CO:interior Quartos industriais por CO:interior


6. Tecnologia obsoleta na mesa de cabeceira

Ainda guarda os seus velhos celulares, controles remotos avariados ou um despertador que já não serve para nada na sua mesa de cabeceira? Desfaça-se deles. Já não são úteis e só ocupam espaço.
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Graeme Fuller Design Ltd Quartos clássicos por Graeme Fuller Design Ltd


7. Cesto da roupa suja a transbordar

Um cesto de roupa suja a transbordar, é pouco higiênico e esteticamente nada agradável. Mantenha o cesto noutra divisão da casa (banheiro ou lavandaria, por exemplo) ou, pelo menos, não o deixe encher até perder de vista!
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Loaf حمام تنفيذ Loaf


8. Amigos de quatro patas

Este é um ponto discutível. Estamos certos de que nem todos os nossos leitores concordarão. Porém, o seu cão deve ter a sua própria caminha num espaço da casa que não seja o quarto. Os cães são inquietos e podem incomodar a sua noite de sono.
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Cloud 7 Finest Interiors for Dogs & Dog Lovers غرفة المعيشة تنفيذ Cloud 7 Finest Interiors for Dogs & Dog Lovers 


9. Revistas não lidas

Sabe o que representam as revistas que ainda não leu? Stress e pressão. Vamos olhando para elas à espera de ter um pouco de tempo para as folhear, mas esse momento tarda em aparecer e elas vão ganhando pó. Coloque-as na sala de estar.
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / toshi غرفة المعيشة تنفيذ toshi


10. Smartphone

Hábito difícil de contrariar, mas já há estudos científicos que apontam os malefícios de levar o smartphone para a cama. Repare que este objeto funciona como estímulo e acabamos por ficar a espreitar o Instagram, o Facebook, o e-mail, entre outras coisas, adiando o nosso sono. Deixe-o fora do quarto para não cair em tentação. Se tiver mesmo que o levar, ao pousá-lo, coloque em modo voo.
www.emagrecerumdesafio.com
© homify / Holly Francesca Escritório por Holly Francesca


Fonte: MSN/Homify


“Eu moro em mim mesmo. Não faz mal que o quarto seja pequeno. É bom, assim tenho menos lugares para perder as minhas coisas.” ― Mario Quintana ―


segunda-feira, 22 de maio de 2017

Veja estas 10 dicas para evitar alergias ao pólen



Na Primavera, começam com espirros, dores de garganta e coceira na pele. Estes sintomas fazem parte da febre do feno. O sistema imunológico trata o pólen como um invasor e responde através da liberação de grandes quantidades de anticorpos. Esta reação alérgica resulta em coriza e outros desconfortos. Os cientistas ainda estão a avaliar por que algumas pessoas têm uma maior sensibilidade aos alérgenos. 

Mantenha o seu cabelo limpo

Os seus cabelos são como um ímã para o pólen, este pode passar para a sua cama, almofadas, causando as alergias durante a noite. Troque de roupa e tenha o cabelo sempre limpo.
 title=
© Alliance/Getty Images 


Evite flores de cheiro

As flores perfumadas podem desencadear um ataque alérgico. O pólen das flores como o jasmim, narciso e lírio do vale podem fazer com que espirre. Outras flores e plantas podem induzir reação alérgica como as orquídeas, begônia, pervinca entre outras. 


Não pendure as roupas ao ar livre

O pólen que anda no ar costuma ficar preso nas suas roupas e pode causar irritação mais tarde na sua pele. O melhor é secar as suas roupas bem como a sua roupa de cama numa máquina própria, ou pendurá-los dentro de casa. 


Mais Vitamina C

Comer alimentos ricos em vitamina C, como laranja, couve, mostarda, brócolis, morangos, kiwi, pimentão amarelo cru ajudam a fortalecer o seu sistema imunitário. 


Óculos de sol

Para evitar a poeira do pólen, que pode ficar preso nas pálpebras.


Fique longe dos ventiladores

É aconselhável evitar ventiladores porque podem atrair os grãos de pólen, dentro do possível, usar o ar condicionado tanto em casa como no carro. 


Esteja dentro de casa

Reduza o tempo de atividades ao ar livre, especialmente durante a madrugada, a Academia Americana de Alergia, Asma e Imunologia do National Allergy Bureau atualiza regularmente a contagem de pólen para cada área do país no seu site. Ficar dentro de casa, tanto quanto possível sobre, dias secos,quentes e ventosos nestes dias os níveis de pólen é mais elevado.


Mantenha o seu cão limpo

O seu cão pode ser uma fonte alérgica, que pode ficar preso na sua roupa. Certifique-se que mantém o seu cão limpo, com escovas, e que lava as suas patas, antes de permitir que ele entre dentro de casa. 


Deixe os seus sapatos na porta

O pólen pode estar até nos seus sapatos. É melhor deixá-los na entrada do seu quarto, assim diminui o risco de alergia ao pólen. 


Beba água com sal

Faça uma mistura de meio litro de água com sal, pode ser uma boa ajuda para limpar o pólen e secar as suas vias nasais causadas pela reação ao pólen. 

Fonte: msn.pt

Até a próxima